Trabalhar no estrangeiro… em Portugal

work-abroad

Os estrangeiros que procuram trabalho em Portugal correspondem, atualmente, a perfis muito seletos em termos de qualificações académicas e profissionais e em termos de motivação pessoal. Durante o “boom” da construção civil, no final dos anos 90 e início dos anos 2000, o país atraiu pessoas vindas do Brasil, de Cabo Verde, da Ucrânia e da Rússia, das mais diversas origens sociais e formações académicas, que procuravam a estabilidade que a construção civil proporcionava. Atualmente, com a construção civil ainda estagnada e num país que foi dos que mais forneceu emigrantes ao mundo nos últimos 5 anos, as motivações para fazer o caminho inverso e procurar trabalho por cá são muito específicas.

Turismo

Alguns estrangeiros, depois de experimentarem o turismo português enquanto clientes, vêem nascer a visão de se tornarem empreendedores e gerirem um pequeno negócio, como uma casa de turismo rural ou turismo de habitação. Talvez não consigam atrair clientes que procurem o máximo de genuinidade e contacto com os locais, mas certamente terão uma boa chance junto de turistas com dificuldades no português e que prefiram aliar os prazeres da viagem à confiança nos serviços de um compatriota.

Agricultura

Em alguns países europeus, o know-how agrícola aliado à falta de terrenos leva alguns pequenos investidores a instalarem-se no nosso país. Uma parte da comunidade holandesa em Portugal é constituída por produtores agrícolas e pecuários que preferiram apostar no clima e no baixo preço dos terrenos, em comparação com uma Holanda super-povoada, mais cara e competitiva.

Ensino

As escolas de línguas continuam a dar alguma preferência a professores de línguas nativos na língua em que ensinam, o que é uma oportunidade óbvia para estrangeiros trabalharem em Portugal.

Acompanhar um cônjuge ou parceiro

Esta é umas motivações mais frequentes para um estrangeiro procurar trabalho em Portugal. Tipicamente, trata-se de um projeto de vida em que o cônjuge já vem com um objetivo profissional definido, o que leva a pessoa a procurar um part-time em qualquer área. Restauração, comércio de retalho (supermercados) e call centers são algumas possibilidades.